Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

LIMPA (A) FUNDO: UMA INICIATIVA PARA TORNAR O MAR DOS AÇORES MAIS LIMPO

Mäyjo, 24.01.17

mar-dos-acores

Decorreu mais uma edição da Campanha Limpa (A) Fundo, no dia 19 de Novembro último, no Porto da Horta, Açores, e que quis despertar consciências para a necessidade de tornar os mares mais limpos.

 

À semelhança do que aconteceu em edições anteriores, esta ação estava inserida na iniciativa Clean Up the World e na Semana Europeia dos Resíduos, duas iniciativas ligadas.

No dia em que se comemora o dia Nacional do Mar, o OMA- Observatório do Mar dos Açores e a APEDA- Associação de Produtores de Espécies Demersais dos Açores juntaram-se a esta ação, bem como às posteriores comemorações alusivas a este dia, que decorreram um pouco por todo o país.

Foto: Jornal da Praia

 

ILHA DO CORVO VAI TER PAINÉIS SOLARES E BOMBAS DE CALOR EM TODOS OS EDIFÍCIOS

Mäyjo, 12.01.16

Ilha do Corvo vai ter painéis solares e bombas de calor em todos os edifícios

A ilha do Corvo, nos Açores, terá em breve todos os seus edifícios equipados com painéis solares e bombas de calor, de acordo com o jornal Construir. O projecto chama-se Corvo Sustentável e pretende dotar de um sistema integrado de energias alternativas, que conjuga a energia eólica, hídrica e solar e reduzindo, neste processo, a utilização de combustíveis fósseis.

Segundo o Construir, o projecto inicia agora a sua segunda fase. Na primeira foram instalados equipamentos em 37 das 145 habitações da ilha. Agora, o programa vai estender-se aos restantes edifícios, tornando o Corvo na primeira ilha do arquipélago com painéis solares e bombas de calor em todos os seus edifícios.

A segunda fase do projecto vai custar €760 mil e conta com uma participação de €500 mil por parte do Governo dos Açores. “A utilização dos sistemas solares e das bombas de calor permite, a uma família-tipo, conseguir uma poupança de cerca de €40 por mês nos custos com a energia”, explica o Governo dos Açores.

O projecto visa também reduzir significativamente o transporte de garrafas de gás para a ilha. O Corvo é habitado por apenas 400 pessoas.

 

CORVO E FLORES SÃO OS MELHORES LOCAIS DO PAÍS PARA VER O PRÓXIMO ECLIPSE DO SOL

Mäyjo, 14.03.15

eclipse_SAPO

No próximo dia 20 de Março a Europa vai pode ver um eclipse solar. Porém, o eclipse só será total para quem estiver no extremo norte do Atlântico, nas Ilhas Faroé, Svalbard e na região Ártica.

Em Portugal, o eclipse vai ser parcial em todo o território e os melhores locais para ver o eclipse são as ilhas do Corvo e das Flores, no arquipélago dos Açores, onde 77% do Sol vai ficar coberto pela Lua.

De acordo com os mapas disponibilizados pelo Observatório Astronómico de Lisboa (OAL), a percentagem de cobertura diminui à medida que descemos em latitude. Em Lisboa, por exemplo, a sombra da Lua vai cobrir 73% da superfície solar.

O eclipse vai durar cerca de duas horas, com início às 8h00, ponto máximo às 9h00 e término às 10h00. O OAL recorda que a observação do Sol neste horário pode ser perigosa, sublinhando a obrigatoriedade de usar filtros solares e tempos de observação curtos.

O último eclipse solar visível de Portugal ocorreu em 1999 e foi muito semelhante em termos de percentagem do Sol coberta. O eclipse do dia 20 ocorre no mesmo dia em que este ano se regista o Equinócio da Primavera.

Foto: AndesChile / Creative Commons

ARQUIPÉLAGO DOS AÇORES É O DESTINO TURÍSTICO MAIS SUSTENTÁVEL DO MUNDO

Mäyjo, 01.02.15

Arquipélago dos Açores é o destino turístico mais sustentável do mundo

Os Açores foram eleitos como o destino turístico mais sustentável do mundo pela plataforma internacional Green Destinations. O ranking global dos 100 destinos mais sustentáveis foi publicado este ano pela primeira vez e tem como objectivo distinguir os esforços ambientais das várias regiões avaliadas.

O arquipélago conseguiu uma pontuação total de 8,9 em 10, que reflecte os resultados de vários critérios divididos em categorias como Natureza, Qualidade Ambiental, Cultura, Economia Verde, Bem-estar Social e Políticas Ambientais.

Além dos Açores também outros destinos portugueses conseguiram ficar nos dez lugares cimeiros, como é o caso da região Cascais-Estoril, no 8º lugar, e Lagos, na 9ª posição. Ainda dentro dos 100 destinos mais sustentáveis é possível encontrar a região do Oeste, a Serra do Socorro e Archeira e Sintra.

A escola das cidades para integrar a lista dos 100 destinos turísticos mais sustentáveis começou com a apresentação de propostas nas redes sociais que foram posteriormente avaliadas por um júri de 30especialistas internacionais em turismo e sustentabilidade que escolheram os locais com melhor desempenho global.

Foto: EatsShootsEdits / Creative Commons

Projeto de conservação de aves marinhas nos Açores foi considerado um dos melhores a nível europeu

Mäyjo, 01.12.14

O projeto “Ilhas Santuário para as Aves Marinhas” implementado nos Açores pela SPEA foi considerado um dos melhores a nível europeu. O projeto é um dos 11 finalistas dos prémios “Best LIFE Projects 2013”, que reconhecem as iniciativas cofinanciadas pela Comissão Europeia que tiveram maior impacto, sendo candidato à distinção “Best of the Best”.

“O projeto decorreu durante quatro anos na Ilha do Corvo e no Ilhéu de Vila Franca do Campo, em São Miguel e visou a conservação das importantes colónias de aves marinhas aí existentes, incluindo a criação de duas reservas biológicas e a construção da primeira vedação antipredadores do Atlântico”, explica a SPEA em comunicado.

Realizado em parceria com o Governo Regional dos Açores, a organização conservacionista britânica Royal Society for the Protection of Birds e a Câmara Municipal do Corvo, este projeto pioneiro beneficiou ainda da colaboração dos habitantes da ilha do Corvo, nomeadamente da comunidade escolar.

Os prémios “Best LIFE Projects ” são atribuídos anualmente, distinguindo os projetos LIFE em fase de conclusão que contribuíram de forma significativa para melhorias ambientais, económicas e sociais de forma imediata ou a longo-prazo.

Os galardões serão entregues a 29 de abril, numa cerimónia que terá lugar em Bruxelas e durante a qual serão conhecidos os três projetos eleitos “melhores entre os melhores”. Para além do “Ilhas Santuário para as Aves Marinhas”, há um outro projeto português entre os finalistas dos Prémios, que se tornam automaticamente candidatos à distinção máxima.

Fonte: SPEA – CI